5 autores nacionais que você precisa conhecer

Já parou para pensar que há muitos escritores de talento que você pode ainda não ter ouvido falar?

Para que você não corra o risco de ficar sem ler livros incríveis, listei abaixo 5 autores que você precisa conhecer.

1. Romance – João Paulo Cuenca

João Paulo Cuenca é cineasta e escritor. Autor dos romances “O dia de Mastroianni”, “Corpo presente”, “O único final feliz para uma história de amor é um acidente” e “Descobri que estava morto”, o escritor já foi traduzido em mais de dez línguas e obteve reconhecimento internacional. A revista britânica Granta  o listou como um dos 20 melhores romancistas brasileiros com menos de 40 anos.

 

2. Fantasia – André Regal

André Regal é ator, dramaturgo e músico. O mineiro radicado no Rio de Janeiro trouxe nova esperança para os jovens leitores de fantasia com duas obras estupendas: “Mirta Vento Amarelo – A linhagem do Dragão” e “O Brakki – A lágrima de Giius”. As obras contam com mundos complexos, personagens cativantes, histórias envolventes e plot twists que fazem o coração sair pela boca. Leia os livros antes que eles cheguem aos cinemas (acredite, eles têm tudo para fazer bonito na tela grande).

 

3. Crônicas – Hélio Consolaro

Hélio Consolaro trabalha com aquilo que nos passa despercebido. Mantém seu olhar atento sobre o cotidiano e, com sua pena ferina e tenaz, traduz cada momento em crônicas divertidas que, da mesma forma com que fazem os lábios sorrirem, plantam sementes no subconsciente, as quais germinam por muitos dias após a leitura. Machado de Assis dizia que o cronista é como um beija-flor, pois beija todas as flores, indistintamente. Hélio beija as flores, mas, às vezes, arranca-lhes pelo caule. Da vasta obra do autor destacam-se “Cobras e lagartos”, “Filósofo de semáforo” e “Casar contra quem?”.

4. Poesia – Ana Martins Marques

A doutora Ana Martins Marques é autora de “A vida submarina”, “Da arte das armadilhas”, “O livro das semelhanças” e “Duas janelas”, sendo considerada, por muitos, como o maior expoente da poesia contemporânea. Cada rima traz sentido; cada verso vale a pena; em cada estrofe uma nova vida.

AQUÁRIO

Os peixes são tristes no aquário
mesmo que não conheçam o mar
alguma coisa neles quer o amplo.

No poema
morrem sem água
na primeira estrofe.

 

5. Ficção Científica – Enéias Tavares

Enéias Tavares é autor de “A lição de anatomia do temível Dr. Louison”, uma obra onde dirigíveis gigantescos invadem o céu de Porto Alegre, no início do século XX. Inspirado em Julio Verne, o escritor faz diversas referências a Aluísio de Azevedo e Machado de Assis, entre outros, entregando uma narrativa fascinante.

 


Já conhece os meus livros?

Clique aqui
e conheça o meu trabalho

Meta de leitura 2019

Minha meta de leitura 2019 está quase completa.

 

Como foram as leituras de vocês em 2019? A minha meta era de ler ao menos um livro por mês, mas, vejam só, quase que dobramos a meta.

Na imagem acima vocês podem ver os todas as capas dos livros lidos durante o ano. Na verdade ainda estou terminando O Brakki, Escritor de fim de semana, Musashi e Trópico de Câncer. Sim, eu gosto de ler vários livros ao mesmo tempo.

Mas falta pouco em todos eles. Então, já estou contando como leituras terminadas.

Abaixo segue a lista dos livros:

  1. Som e a Fúria, William Faulkner (EUA)
  2. On the Road, Jack Kerouac (EUA)
  3. O Grande Gatsby, F. Scott Fitzgerald (EUA)
  4. Mensagem, Fernando Pessoa (Portugal)
  5. Alice no País das Maravilhas, Lewis Caroll (EUA)
  6. 1984, George Orwell (Índia britânica)
  7. Deserto dos Tártaros, Dino Buzzati (Itália)
  8. Histórias Extraordinárias, Edgar Allan Poe (Inglaterra)
  9. As Cidades Invisíveis, Italo Calvino (Cuba/Itália)
  10. Trópico de Câncer, Henry Miller (EUA)
  11. Araruama – Ian Fraser (Brasil)
  12. Lugar Nenhum – Neil Gaiman (Inglaterra)
  13. Terra dos Homens – Antoine de Saint-Exupéry (França)
  14. As crônicas de Nárnia – C. S. Lewis (Irlanda – Reino Unido)
  15. Curupira – Graça Lima (Brasil)
  16. O cavaleiro Preso na armadura – Robert Fisher (EUA)
  17. Musashi – O vento – O Céu – Eiji Yoshikawa (Japão)
  18. O escritor de fim de semana – Robert J. Raj (Inglaterra)
  19. Quando a lenda fanha vida – Junior Salvador e Wesnen Tellurian (Brasil)
  20. Extraordinário – R. J. Palácio (EUA)
  21. O Brakki – A lágrima de Giius I – André Regal (Brasil)

E aí, já leu algum deles? Não? Então fique ligado porque em breve lançarei aqui no site as minhas impressões sobre cada uma das obras. Teremos notas e uma sentença.

Fique de olho


Já conhece os meus livros? 

Clique Aqui e conheça o meu trabalho